Expectativas Vocais

Todos que cantam alimentam expectativas com relação à sua voz. Seja uma expectativa de como gostaria que o som fosse ouvido pela platéia ou até mesmo sobre as sensações que o som traz. Durante as sessões de Voice Coaching, percebo que as expectativas vocais podem ser muito boas ou muito…

3 Comentários
Motivação: foco, determinação (e um pouco de paciência).
Trading Patience - Time

Motivação: foco, determinação (e um pouco de paciência).

Em aulas é quase de praxe que o clima de descontração e satisfação predomine. Normalmente os resultados dos exercícios (ainda que apenas no âmbito funcional, e não necessariamente musical) costumam entusiasmar professor e aluno e envolver ambos no desenvolvimento vocal. Todavia, sempre temos aquele período (em tudo nessa nossa vida)…

2 Comentários

Para que servem os exercícios vocais (vocalizes)?

Alguns estudantes de canto e técnica vocal se questionam (e me questionam) para que servem os exercícios vocais. Ou para que serve um determinado exercício, ou até mesmo uma dada sequência de vocalizes (como são chamados os exercícios vocais). Primeiramente vamos descrever os exercícios de voz (para os menos habituados…

0 Comentários

Considerações sobre Respiração e Apoio (Parte 1)

Esse é o primeiro de uma série de posts que tenho certeza será muito boa para as reflexões vocais tanto de cantores quanto de professores de canto. Espero, realmente, contribuir positivamente no processo de ensino-aprendizagem vocal de muitos. E o tema não poderia ser menos controverso: o famoso APOIO. Nessa…

1 Comentário

Considerações e reflexões sobre o “drive” na voz

O famoso "drive"na voz é aquele "efeito" rasgado que cantores de rock, heavy metal, blues, soul, e até mesmo de pop e teatro musical, usam para dar uma intenção agressiva ou "rouca" à voz, agregando mais textura e variedade de timbre. Neste post eu não pretendo dar diretrizes técnicas ou…

4 Comentários
Que cantor sou eu? Que professor eu tenho? Que professor eu sou?
portrait of woman thinking and biting her lips, looking up with hand on cheek. Horizontal shape, Copy space

Que cantor sou eu? Que professor eu tenho? Que professor eu sou?

Por inúmeras vezes fui flagrado em situações que me punham dúvidas a respeito das minhas orientações vocais. Tive ótimos professores e outros dos quais me recordo, ainda, com um ponto de interrogação na cabeça. Confesso que eu, na maioria das vezes, fui omisso e passivo no meu aprendizado (justiça seja…

0 Comentários
>