JUNTE-SE A MAIS DE 15.000 ESTRELAS DA VOZ​Cadastre-se já e receba conteúdos exclusivos e com prioridade​

Exercícios de respiração costumam fazer parte da rotina da maioria dos cantores. Isso porque o controle do fluxo de ar é um dos 3 elementos da técnica vocal, mas a respiração muitas vezes é o aspecto mais difundido por professores de canto.

Existem diferentes estratégias respiratórias que podem funcionar para pessoas e repertórios diferentes. É fundamental que você entenda quais exercícios e técnicas funcionam melhor para a SUA voz.

Por isso, quero aproveitar pra te contar que temos um curso super completo de Respiração para o Canto. Lá explicamos as bases fisiológicas, os tipos de respiração, exercícios práticos e exercícios direcionados para o estudo das músicas. Mais infos aqui: https://fullvoice.com.br/respiracao-para-o-canto/

Luiza Lobo durante aula no Full Voice

Alguns exercícios, no entanto, podem ser feitos por qualquer pessoa e vão condicionar melhor o seu corpo e sua respiração durante o canto.

O primeiro passo para controlarmos nossa respiração é justamente colocarmos nosso foco nos movimentos respiratórios e observarmos o que estamos fazendo.

Exercício 1 – Postura e relaxamento

Mantendo uma boa postura, inspire fundo olhando para o espelho. Veja se você movimenta os ombros para cima durante a inspiração. Em caso positivo, tente respirar fundo algumas vezes, mas sem movimentar os ombros, pois esse movimento extra pode ser ineficiente para o canto e também gerar tensões na região do pescoço.

Dica: se tiver muita dificuldade, tente o exercício deitado(a).

Exercício 2 – Respiração controlada

Inspire pelo nariz em 5 tempos (vá contando mentalmente), retenha o ar por 5 tempos e solte o ar pela boca, também em 5 tempos. Repita o mesmo exercício 10 vezes. Perceba como está o seu corpo, sua postura, a sustentação do ar.

Exercício 3 – Respiração diafragmática

Repita o exercício anterior, porém inclua uma movimentação com a barriga. Essa movimentação vai fazer com que a ação do diafragma esteja mais acentuada durante a respiração.

Vai ser o seguinte: enquanto inspira, tente encher a sua barriga de ar, como se estivesse grávido(a) de ar😅. Mantenha a barriga cheia de ar enquanto sustenta/retém o ar. Expire e volte a barriga para a posição normal. Fazer o exercício deitado(a) pode ser mais fácil.

Exercício 4 – Controle de fluxo de ar sem fonação

Inspire fundo (sem movimentar os ombros para cima, mas pode expandir o abdômen como mencionado no item 3) e solte o ar sustentando a consoante “S”. Perceba que você precisa controlar o fluxo de ar, mas não há fonação. Sustente a saída de ar de forma equilibrada. Repita o exercício 5 vezes e tente aumentar o tempo de sustentação.

Exercício 5 – Controle de fluxo de ar com fonação

Vamos repetir o exercício anterior, mas trocando a consoante “S” por “Z” ou “J”. Perceba que a troca da consoante vai fazer com que você inicie uma fonação, ou seja, agora o controle do fluxo de ar estará relacionado a um som emitido pelas pregas vocais.

Conseguiu fazer todos os exercícios? Como se sentiu? Teve alguma dificuldade? Coloca aqui nos comentários 😉😉😉

Alguns dos exercícios mencionados acima (e outros) estão exemplificados neste vídeo:

E não se esquece que temos um curso super completo de Respiração para o Canto, com demonstrações em vídeo e vários exercícios para você praticar. Mais infos aqui: https://fullvoice.com.br/respiracao-para-o-canto/

CONHEÇA NOSSOS CURSOS

Oferecemos Aulas de Canto Presenciais e Online, Cursos e Treinamentos para Iniciantes, Amadores, Profissionais e Professores de Canto. Uma escola completa para você!

Quero Conhecer
>